Representantes do PT querem se aproximar do PSDB

Nos bastidores do debate desta segunda-feira na Rede Record, os representantes do PT espalharam sinais de seu interesse de se aproximar do PSDB após as eleições. Não de todo o PSDB, mas da parte representada por Aécio Neves, que acaba de ser reeleito governador de Minas, e José Serra, eleito para o governo de São Paulo.O ministro da Fazenda, Guido Mantega, chegou a detalhar programas que podem ser feitos em conjunto com os governos destes dois Estados. Citou o Ferroanel, de São Paulo, e a possibilidade de repassar para o governo de Minas a conservação das estradas federais naquele Estado.O presidente do PT e coordenador da campanha, Marco Aurélio Garcia, ressaltou que é amigo de longa data de José Serra. E a ex-prefeita Marta Suplicy, que trabalha na campanha de Lula em São Paulo, definiu: ?Não queremos nada com o Fernando Henrique, que anda metendo os pés pelas mãos. Queremos conversar com pessoas como o Serra e o Aécio, eleitos para as duas maiores potências estaduais do País, e que parecem dispostos a discutir os problemas do Brasil?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.