Resgate demora e bebê nasce em estação de trem no Rio

Criança, que nasceu na estação de Campo Grande, passa bem

Carolina Spillari, estadão.com.br

19 Julho 2011 | 12h10

SÃO PAULO - Um bebê que nasceu na segunda-feira na estação de trem de Campo Grande, na zona oeste do Rio de Janeiro, permanece internado na UTI neonatal do Hospital Rocha Faria, informou nesta terça-feira, 19, a Secretaria Estadual de Saúde. Rafael Guilherme tem 4,6 kg e está estável.

O parto aconteceu no início da tarde de ontem na estação de trem. Os bombeiros foram chamados, mas não chegaram a tempo. Na hora do primeiro chamado, todas as ambulâncias do Quartel de Campo Grande estavam ocupadas, atendendo outras ocorrências. A corporação abrirá sindicância interna para apurar a demora na solicitação de uma ambulância em outra unidade dos bombeiros no Estado.

O bebê já respira sozinho, sem o auxílio de aparelhos. Na unidade também continua internada a mãe do menino, Daniele Conceição Bispo, de 24 anos. Ela passa bem e está em recuperação. Ainda não há previsão de alta para mãe e filho, acrescentou a Secretaria Estadual de Saúde.

Mais conteúdo sobre:
parto estação de trem bombeiros Rio

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.