Restaurante promove festival de comida caipira

Além de arroz e feijão, há um ingrediente indispensável na boa comida caipira: simplicidade. É o que diz Dona Dêga, de 79 anos, que comanda até dia 10 o festival de comida caipira no restaurante Obá, nos Jardins, dentro do projeto Anfitriãs do Brasil. O menu traz delícias do sítio onde Dona Dêga - mãe da chef Mara Salles, do restaurante Tordesilhas - nasceu e viveu há 45 anos, em Penápolis (SP). As entradas variam. Há desde salada de almeirão com farelo de torresmos ao "minicuscuz da Dona Dêga" (R$ 15). Nos pratos principais figuram a "marmita da Rua Caiubi" (R$ 34,50), com carne de panela, batatas carameladas, arroz, feijão e almeirão, e o "Franguinho Caipira" (R$ 31), com quiabos e angu de milho verde. De sobremesa, arroz doce (R$ 11) e manjar branco com calda de ameixa (R$ 13). Não há invenções nos temperos: alho, pimenta-do-reino, sal e limão. Mara revela um segredo da mãe: "Quando está cozinhando com um monte de panelas, ela tira um molho da carne e põe em outra panela. Se está preparando um legume, nunca vai desperdiçar aquele caldinho." Obá: Rua Melo Alves, 205, Jardins. Anfitriãs do Brasil: até dia 10. No dia 7, jantar-degustação e show de viola (R$ 125) Minicuscuz da Dona Dêga Rendimento: 10 minicuscuz Ingredientes ½ kg de filé de peixe; 250g de camarões médios descascados; 200g de sardinha em conserva de óleo; 3 colh. (sopa) de azeite; 3 dentes de alho picados; 1 cebola picada; 3 tomates maduros (sem pele e sem sementes) picados; ½ pimentão verde picado; ½ pimentão vermelho picado; 3 ovos cozidos; 150g de ervilhas; 150g de palmito em cubos; 1 colh. (chá) de coentro picado; 2 colh. (chá) de cebolinha picada; 50 g de azeitonas verdes; 400 ml de caldo de peixe; 250 g de farinha de milho; 100 g de farinha de mandioca; limão para temperar o peixe e o camarão; sal, pimenta-do-reino, pimenta dedo-de-moça e colorau a gosto Preparo Use minifôrmas de pudim, untadas. Tempere o peixe e o camarão com sal, limão, coentro e pimenta-do-reino. Salteie os ingredientes acima em azeite (separadamente) e reserve. Misture as farinhas e reserve. Doure o alho no azeite. Acrescente pimentões, cebola e tomate. Refogue. Acrescente colorau e pimenta. Coloque o caldo de peixe, o peixe salteado e o camarão (reserve uma parte para decorar). Quando ferver, coloque os ovos, palmito, sardinha, ervilhas, cebolinha e azeitonas. Depois que a mistura ferver novamente, acrescente sal e pimenta. Aos poucos, introduza as farinhas, mexendo sem parar até dar ponto de pasta firme. Sem que esfrie, despeje o cuscuz na fôrma decorada. Faça pressão com uma colher para que o cuscuz fique bem compacto. Deixe descansar em lugar fresco por três horas antes de servir.

O Estadao de S.Paulo

02 Outubro 2008 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.