Montagem/Estadão
Montagem/Estadão

Resumo do dia: pneumonia de Bolsonaro, mortes no Rio por causa da chuva, funcionários da Vale e Lula

'Dança das cadeiras' do Senado e fala de Paulo Guedes sobre direitos trabalhistas também foram destaques desta quinta-feira, 7

Redação, O Estado de S.Paulo

07 Fevereiro 2019 | 19h40

SÃO PAULO - Boletim médico divulgado nesta quinta-feira, 7, pelo Hospital Albert Einstein informa que o presidente Jair Bolsonaro tem pneumonia. Seis pessoas morreram em função do temporal que atingiu o Rio de Janeiro na noite anterior. Engenheiros da Vale presos após a tragédia de Brumadinho foram soltos. A força-tarefa da Operação Lava Jato pediu uma pena de mais de 80 anos para o ex-diretor da Dersa Paulo Vieira de Souza.

Quer saber os fatos mais importantes do dia? Confira abaixo as principais notícias desta quinta:

Dança das cadeiras: 12 senadores trocam de partido e novas legendas ganham poder

Mesmo após uma eleição marcada pelo discurso de novas práticas políticas, 12 senadores já trocaram de partido desde outubro do ano passado. O troca-troca partidário mudou a dinâmica de forças entre as bancadas da Casa, diminuindo a importância de siglas tradicionais, como o PSDB, e colocando em destaque novos grupos partidários, a exemplo do Podemos e do PSD.

Boletim médico indica que Bolsonaro tem pneumonia; médico diz que 'é bem sutil e leve'

O Hospital Albert Einstein informou em boletim médico que o presidente Jair Bolsonaro apresentou episódio de "febre sem outros sintomas associados" e "imagem compatível com pneumonia" na tomografia de tórax e abdome. Em entrevista ao Estadão/Broadcast, o cirurgião Dr Antônio Luiz Macedo afirmou que Bolsonaro precisará ficar no hospital por mais cinco a sete dias, no mínimo. Na noite de quarta-feira, 8, ele registrou febre (38ºC). 

Temporal provoca seis mortes no Rio de Janeiro

Pelo menos seis pessoas morreram em razão das fortes chuvas que atingem o Rio de Janeiro desde o início da noite de quarta. A informação foi confirmada pelo prefeito Marcelo Crivella (PRB), que decretou luto oficial de três dias, e pelo Corpo de Bombeiros. O temporal também causou um deslizamento que provocou o desabamento de um trecho da Ciclovia Tim Maia.

​Executivos da Vale e engenheiros deixam cadeia em Minas Gerais

Dois dias depois de habeas corpus concedidos pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ), os executivos da Vale e os engenheiros de uma empresa terceirizada investigados no processo que apura as causas da ruptura da barragem em Brumadinho, no último dia 25, deixaram a Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte.

Lava Jato pede mais de 80 anos de cadeia para ex-diretor da Dersa

A força-tarefa da Operação Lava Jato, em São Paulo, pediu à Justiça uma pena de mais de 80 anos de prisão para o ex-diretor da Dersa Paulo Vieira de Souza.

Juíza Gabriela Hardt confisca sítio de Atibaia que Lula usava ‘como dono’

Ao condenar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a 12 anos e 11 meses de prisão, a juíza federal Gabriela Hardt mandou confiscar o sítio Santa Bárbara, em Atibaia, no interior de São Paulo, pivô da nova sentença contra o petista.

'Ninguém mexe em direitos, mas daremos opções', diz Guedes sobre 13º e férias

O ministro da Economia, Paulo Guedes, repetiu a fala de que a reforma da Previdência não incluirá neste momento mudanças no regime trabalhista. Após reunião com o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), ele voltou a dizer que o atual sistema de direitos trabalhistas faz com que mais de 46 milhões de brasileiros estejam na informalidade.

Chega à Colômbia primeira parte da ajuda humanitária para entrega na Venezuela

A primeira carga de ajuda humanitária internacional para atenuar a crise vivida na Venezuela chegou à cidade colombiana de Cúcuta, na fronteira entre os dois países sul-americanos, informou a Embaixada dos Estados Unidos em Bogotá.

Operação investiga engenheiro da Marinha suspeito de solicitar propina de R$ 6 mi

A Polícia Federal deflagrou a Operação Submarino e cumpriu buscas e apreensões em três endereços ligados ao engenheiro nuclear do Centro Tecnológico da Marinha Renato Del Pozzo e ao engenheiro Jairo João Mola. A investigação apura corrupção passiva, lavagem de dinheiro e evasão de divisas envolvendo os dois profissionais.

Tribunal de Contas do Município libera a conclusão da concessão do Pacaembu 

Em uma sessão de três horas de duração, marcada por embates entre os conselheiros, o Tribunal de Contas do Município (TCM) decidiu atender pedido do prefeito Bruno Covas (PSDB) e autorizar a abertura os envelopes com as propostas para a concessão do Estádio do Pacaembu, na zona oeste de São Paulo.

Newsletter

Para ficar bem informado, assine as newsletters do Estado e receba os destaques do noticiário por e-mail.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.