RG basta para votar amanhã

O Supremo Tribunal Federal (STF) derrubou por 8 votos a 2, em sessão na quinta-feira, a exigência da apresentação de dois documentos para votar. Com a decisão, que atendeu a uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) protocolada pelo PT, bastará aos eleitores levar um documento oficial com foto para participar da votação amanhã. A exigência de dois documentos havia sido aprovada na minirreforma eleitoral votada pelo Congresso em 2009.

, O Estado de S.Paulo

02 Outubro 2010 | 00h00

Votaram contra ação movida pelo PT os ministros Gilmar Mendes e Cezar Peluso. Foram favoráveis ao pleito os ministros Dias Toffoli, Cármen Lúcia, Ricardo Lewandowski, Joaquim Barbosa, Marco Aurélio e Carlos Ayres Britto, além da relatora do processo, Ellen Gracie.

O DEM também se colocou contra a pretensão do PT. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já havia gasto cerca de R$ 3,2 milhões em propaganda na TV sobre os dois documentos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.