Rio assina convênio com governo para combater violência

O ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, o secretário nacional de Segurança Pública, Luiz Eduardo Soares, e a governadora Rosinha Matheus assinaram esta tarde convênio que prevê a liberação de R$ 40 milhões para o reaparelhamento das polícias estaduais. A verba havia sido prometida há um mês pela União e só foi confirmada agora porque o Rio apresentou um plano sistêmico de combate à criminalidade. No entanto, não foi anunciada a data para que os recursos cheguem aos cofres do Estado. O ministro anunciou ainda a criação de uma unidade de elite da Polícia Federal sob o comando do delegado Luiz Fernando Gomes para atuar na inteligência. Segundo Thomaz Bastos, Gomes é "um dos melhores do país". Entre trinta e cinqüenta policiais vão compor o grupo, que deverá servir de modelo para outros Estados.Veja o especial:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.