Rio detém 14 pessoas durante jogo do Brasil

Flanelinhas e pessoas urinando em locais públicos nos arredores arena do Fifa Fun Fest, em Copacabana e do Alzirão, na Tijuca foram levadas para delegacia

Priscila Trindade, do estadão.com.br

25 de junho de 2010 | 15h42

SÃO PAULO - A Prefeitura do Rio informou que 14 pessoas foram detidas na manhã desta sexta-feira, 25, durante o jogo do Brasil na Copa do Mundo por cometerem irregularidades. A fiscalização foi realizada no entorno da arena do Fifa Fun Fest, em Copacabana, na zona sul, e do Alzirão, na Tijuca, na zona norte da cidade.

 

Na praia de Copacabana, seis flanelinhas que atuavam na orla, além de pessoas que urinavam na rua, foram detidos na Avenida Princesa Isabel e levados para a 12º Distrito Policial. Na mesma região foram apreendidos com ambulantes irregulares centenas de cervejas, refrigerantes, biscoitos, águas, cornetas, cangas, chapéus, camisetas, óculos e bandanas.

 

Já na Tijuca, os fiscais da Secretaria Especial da Ordem Pública (Seop) detiveram uma pessoa por desacato. Nenhum material foi apreendido. Outros dois ambulantes irregulares foram presos e autuados por agressão na Rua do Rosário, no centro do Rio.

 

A fiscalização continuará até às 22 horas no Alzirão. Em Copacabana, os fiscais vão atuar às 20 horas.

Tudo o que sabemos sobre:
RioprisõesBrasilSeleçãoCopa 2010

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.