Rio investiga novos desaparecimentos de presos

Uma comissão nomeada nesta segunda-feira pelo secretário estadual de Direitos Humanos do Rio de Janeiro, João Luiz Duboc Pinaud, vai investigar o desaparecimento do preso André Luis da Silva, de 31 anos, que está sumido do presídio Vicente Piragibe, em Bangu, desde dezembro do ano passado.A Secretaria de Administração Penitenciária afirma que o interno fugiu, mas a família acredita que Silva tenha sido morto no presídio, já que ele não procurou nenhum parente desde que sumiu. Silva foi preso por assalto à mão armada em novembro de 2001. A comissão terá de apurar o paradeiro de André Luis da Silva. Além dele, também está desaparecido do presídio Vicente Piragibe Charles Andrade de Araújo, de 33 anos. Ele não é visto desde o início do mês. Os parentes de Araújo desconfiam que ele tenha sido morto por outros presos e enterrados no próprio presídio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.