Rio libera linha de crédito para moradores de Angra

Para pessoa física, limite será de R$ 5 mil, com juros de 12,25% ao ano e prazo para pagamento de 15 meses

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

03 Janeiro 2010 | 14h51

O governo do Rio de Janeiro vai disponibilizar linhas de crédito para moradores e comerciantes que sofreram perdas por conta dos deslizamentos de terra no município de Angra dos Reis ocorridos na última sexta-feira. De acordo com o administração estadual, a InvestRio, Agência de Fomento do Estado do Rio de Janeiro, vai disponibilizar para a pessoa física o limite de crédito de até R$ 5 mil, com juros de 12,25% ao ano. O período de carência é de três meses e o prazo para pagamento é de 15 meses.

 

Veja também:

linkPrefeitura de Angra pede desligamento de usinas nucleares

linkRodovia Rio-Santos é parcialmente liberada em Angra dos Reis

linkTragédia em Angra ganha destaque na mídia internacional

linkChuvas na Baixada Fluminense já deixam 3.968 desalojados

especialDeslizamento em Angra deixou 35 mortos em 2002

somANGRA: Representante de turismo descreve situação caótica na região  

Já para pessoa jurídica, o limite disponibilizado será de até R$ 50 mil. Os juros variam entre 7,25% e 9,25% ao ano. A carência é de 12 meses e o prazo para pagamento é de 24 meses. Os pontos de atendimento serão instalados na Ilha Grande e no Centro de Angra ainda no início desta semana, onde os interessados poderão se cadastrar, segundo o governo.

Mais conteúdo sobre:
chuvasRJlinha de crédito

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.