Rio registra o quinto assalto a universidades neste ano

O laboratório de ecologia da Universidade do Estado do Rio (Uerj), no Maracanã, zona norte do Rio, foi assaltado por dois homens armados na noite desta quinta-feira. Associado à instituição, o pesquisador Pedro Paulo da Silva Queiroz, de 51 anos, foi rendido pelos criminosos, amarrado e amordaçado com fita adesiva. Funcionários da Uerj ainda não fizeram levantamento do que foi levado pela dupla.Os bandidos passaram pela portaria do Pavilhão Haroldo Lisboa da Cunha e tocaram a campainha do laboratório, por volta das 18 horas. Pensando que se tratava de estudantes, o pesquisador, que estava sozinho no local, abriu a porta. Ele, então, foi rendido. Os assaltantes arrombaram ainda cinco salas do pavilhão antes de fugirem.O delegado Ronaldo Mendes Coelho, da delegacia da Praça da Bandeira (18ª DP), criticou o sistema de segurança do prédio. "Já soube que se houver câmeras no pavilhão elas não estavam funcionando", declarou. "A Uerj é um queijo suíço. Tem entrada para tudo quanto é lado. É preciso reforçar a segurança, mas a faculdade alega sempre falta de verba". O delegado não descartou a hipótese de que alunos estejam envolvidos com os criminosos - todos brancos, com idade entre 20 e 25 anos.Outros assaltosEste foi o quinto assalto a universidades em 2006. Em 9 de janeiro, um homem armado assaltou alunos e professores em um câmpus da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), na Praia Vermelha, zona sul. Quatro dias depois, estudantes, professores e funcionários da Unicarioca, no Rio Comprido, zona norte, foram assaltados por dois homens que se fizeram passar por alunos.No início de fevereiro, bandidos roubaram equipamentos novos do Instituto de Artes e Comunicação Social da Universidade Federal Fluminense (UFF), em Niterói, no Grande Rio. No dia 14, o Instituto de Química da UFRJ, na Ilha do Fundão, foi assaltado por dois homens armados. Cinco pessoas foram amarradas e tiveram objetos pessoais roubados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.