Rio sediará encontro de secretários de Segurança do Sudeste

Secretários de Segurança Pública e Justiça da região Sudeste se reúnem na terça-feira, 24, no Rio, para discutir a integração de bancos de dados de segurança dos quatro Estados: Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro e Espírito Santo. O encontro será o quarto do Gabinete de Ação Integrada do Sudeste. Em nota, o governador em exercício do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, informou que a segurança e a tranqüilidade da população dependem da união de esforços dos governos dos quatro estados que compõem o Sudeste. O gabinete foi criado no dia 9 de janeiro em uma reunião dos governadores do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral; de Minas Gerais, Aécio Neves; de São Paulo, José Serra; e do Espírito Santo, Paulo Hartung. Uma das primeiras ações foi a entrega de uma carta ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, pedindo ajuda da Polícias Federal e Rodoviária no combate ao tráfico de drogas; a intensificação do policiamento das Forças Armadas nas fronteiras do país; a liberação de mais verbas federais para a segurança; e a integração dos serviços de informação estaduais e federais. Além da ação conjunta dos quatro governadores na área de segurança, o governo do Rio tem um trabalho paralelo de integração com o governo federal, entre os quais se destaca a presença de cerca de 400 homens da Força Nacional de Segurança no Estado. O governador Sérgio Cabral também pediu a ajuda das forças armadas no combate ao crime no Rio.

Agencia Estado,

23 Abril 2007 | 20h29

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.