RJ: cartões telefônicos com mensagens contra drogas

Uma série especial de cartões telefônicos começa a circular hoje no Rio, trazendo mensagens de alerta quanto ao uso de drogas. A operadora de telefonia Telemar em parceria com a Secretaria Especial de Prevenção à Dependência Química da Prefeitura, vinculará em 500 mil cartões a mensagem da Campanha da Fraternidade da Conferência Nacional do Bispos do Brasil (CNBB): "Vida sim, drogas não".Os cartões exibem duas imagens: uma pessoa sorrindo, que aparece junto à inscrição "vida sim", e uma triste, onde se lê "drogas não" - que foram copiadas da campanha da CNBB. As mensagens serão trocadas a cada mês, conforme explicou a secretária Mina Seinfeld. "Nossa idéia é que as pessoas, ao usar os cartões, fixem a mensagem contra as drogas na cabeça. Dessa forma, muita gente vai dedicar algum tempo para pensar na campanha", disse Mina.A série de cartões faz parte do conjunto de medidas que está sendo implantado pela secretaria desde sua criação pelo prefeito César Maia, em janeiro deste ano. Há ainda projetos como treinamento de representantes das vinte Coordenadorias Regionais de Educação (CRE), que repassam à direção das 1.029 escolas do município orientações sobre como prevenir os alunos contra os entorpecentes.As drogas lícitas, como álcool, também são alvo de ações da secretaria. "Numa cidade do tamanho do Rio não adianta fazer pequenos projetos. Nossas medidas têm de ter bastante fôlego", afirmou a secretária. Desde que uma pesquisa mostrou que os dois principais fatores que afastam os jovens das drogas são a família e os esportes, a secretaria vem investindo em projetos junto a associações esportivas."Vamos capacitar professores de artes marciais com palestras contra o uso de anabolizantes", informou Mina Seinfeld.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.