Rodovias paulistas têm tráfego intenso, com neblina e acidentes

O excesso de veículos, acidentes e a neblina deixam o trânsito complicado nas principais rodovias paulistas, nesta tarde de sábado. Pelo sistema Anchieta-Imigrantes, o movimento era intenso em direção à Baixada Santista, por volta das 16h30, mas não havia congestionamento. Segundo a concessionária Ecovias, a Rodovia Anchieta é a melhor opção.A Rodovia Padre Manoel da Nóbrega tinha tráfego intenso entre os kms 285 ao 290, no sentido Cubatão-Praia Grande. Também por volta das 16h30 a Rodovia Ayrton Senna tinha trânsito lento na altura do quilômetro 32, na região de Itaquaquecetuba.InteriorPara o interior paulista, o tráfego também estava lento na Rodovia Castelo Branco, do quilômetro 17 ao 25, entre Osasco e Barueri, por causa do excesso de veículos. A Rodovia Raposo Tavares também tinha lentidão no sentido interior, entre Cotia e Vargem Grande.Um acidente ocorrido no km 36 da Rodovia dos Bandeirantes, sentido interior, deixava o trânsito lento entre os kms 34 ao 36. Até as 17h00 a concessionária Autoban, que administra as rodovias Anhangüera e Bandeirantes, ainda não tinha informações sobre os veículos envolvidos nem feridos.Quase paradoDe acordo com a Polícia Rodoviária Federal, na Rodovia Régis Bittencourt continuava enfrentando trânsito quase parado no sentido capital-interior, por volta das 16h30, também por causa do excesso de veículos e o estreitamento da pista entre São Lourenço e Juquitiba.Pela Rodovia Fernão Dias havia lentidão de Mairiporã a Atibaia, entre os kms 65 e 37, por causa do movimento acima do normal. Por volta das 16h15, ocorreu um acidente na altura do km 87, no começo da rodovia, na capital paulista.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.