Rolo compressor atinge casas e deixa feridos no PR

Uma possível pane no freio de um rolo compressor da prefeitura de Ubiratã, a cerca de 520 quilômetros de Curitiba, no centro-oeste do Paraná, causou um acidente na tarde de quinta-feira, 1º, que deixou três pessoas feridas e duas casas danificadas. Dois dos feridos permaneciam internados nesta sexta-feira, 2, em observação. Uma criança de apenas quatro meses de idade, que estava em uma das casas, que veio abaixo, conseguiu salvar-se porque estava num berço em uma extensão ao lado da casa. "Caíram tábuas ao lado, mas não chegou a pegar nela", disse o sargento da Polícia Militar Márcio Nascimento da Silva. Segundo ele, o condutor do trator, Mário Márcio Calcioni, de 36 anos, fazia um serviço, quando, ao passar pela Rua Paraná, na Vila Recife, acabou descendo a rua. "Ele disse que acabou o freio", comentou o sargento. Sem controle, o veículo saiu da pista e desceu num declive de aproximadamente 4 metros de profundidade. Embaixo ficavam as duas casas de madeira. Conforme o policial, na primeira estavam duas mulheres e a criança. O carro passou pelo meio, derrubando-a. Uma das mulheres nada sofreu, mas Vanderléia Menigite, de 35 anos, teve fratura na clavícula. O rolo compressor continuou seu caminho e parou ao bater na segunda, que teve apenas a frente avariada. A proprietária dessa casa acabou desmaiando e teve pequenas escoriações. Ela foi reanimada logo depois. O condutor do veículo também ficou ferido, pois não havia nenhuma proteção na cabine, e estava hospitalizado. A Polícia Civil não chegou a instaurar inquérito por lesão corporal culposa, porque até a tarde de ontem nenhum representante da vítima tinha procurado a delegacia. Mesmo assim, uma equipe esteve no local para tirar fotografias. O prefeito Fábio Daléssio (PPS) disse ter determinado a toda equipe da prefeitura para prestar assistência às vítimas, tanto no que diz respeito à saúde quanto na reconstrução das casas. Segundo ele, o rolo compressor tem aproximadamente 30 anos, mas saiu da manutenção há poucos dias. A análise prévia feita pela prefeitura apresentou a pane no freio, mas seriam realizadas perícias mais cuidadosas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.