Rompimento de adutora deixa 2.500 sem água em SP

O rompimento de uma adutora da Sabesp no cruzamento das avenidas Faria Lima e Eusébio Matoso, zona Sul de São Paulo, deixou cerca de 2.500 pessoas sem água nesta manhã, além de provocar congestionamento nas ruas próximas. Segundo o jornal SPTV, da TV Globo, o fornecimento foi suspenso às 5 horas para os moradores de Pinheiros, Jardim Europa e Jardim Paulistano. O rompimento da adutora ocorreu durante uma escavação para as obras do túnel na Avenida Rebouças.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.