Roriz terá de devolver R$ 7,1 milhões à União

O ex-governador do DF Joaquim Roriz (PSC) foi condenado pela Justiça Federal a devolver R$ 7,1 milhões à União, após terem sido constatadas irregularidades na compra de equipamentos para o Corpo de Bombeiros do DF. De acordo com o juiz Itagiba Catta Preta Neto, da 4.ª Vara Federal, "não há dúvida" sobre as irregularidades praticadas pelo ex-governador, que novamente é candidato ao Palácio do Buriti. "É uma ação bastante antiga que agora tem condição de ser julgada. Não tenho nenhuma dúvida sobre as irregularidades cometidas, e falo isso tendo por base um conjunto probatório bem longo, detalhado e embasado, que inclui muitos documentos e audiências com testemunhas", disse o magistrado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.