Roseana decreta estado de calamidade pública no Maranhão

Segundo o governo do Estado, 83.087 foram atingidos pelas chuvas e 27 mil tiveram de deixar suas casas

Rita Cirne, Central de Notícias

29 Abril 2009 | 20h17

A governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB), decretou na noite desta quarta-feira, 29, estado de calamidade pública no Estado em consequência das chuvas que já causaram cinco mortes e levaram 27 municípios à situação de emergência. Os municípios mais atingidos são: Pedreiras, Bacabal e Alto Alegre do Maranhão. As áreas mais afetadas ficam próximo do Rio Mearim, que está 10 metros acima do normal e sobe, em média, 30 centímetros por dia.

 

Segundo a assessoria de comunicação do governo, 83.087 pessoas foram atingidas pelas chuvas e 27 mil tiveram de deixar suas casas, sendo que 13.047 continuam desabrigadas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.