Rosinha promete manter disciplina rígida em Bangu

Em resposta à onda de ataques a policiais militares na última semana, a governadora do Rio de Janeiro, Rosinha Matheus, afirmou em nota da Secretaria de Segurança Pública, que "não vai ceder a nenhum tipo de chantagem dos presos e que não abre mão da manutenção do novo regime disciplinar adotado" em Bangu 3. De acordo com o secretário de Segurança Pública, Anthony Garotinho, os ataques a policiais foram ordenados por bandidosdo Comando Vermelho presos em Bangu 3. Sua intenção seria protestar contra o novo regime disciplinar, semelhante ao da Penitenciária de Presidente Bernardes (SP), implantado pela Secretaria de Administração Penitenciária. Os presos ameaçam entrar em greve de fome.O último ataque aconteceu na madrugada de ontem. Dois PMs foram baleados quando passavam pela Rua Prefeito Olympio de Mello, em Benfica. Atingido na cabeça, o soldado Renato José de Jesus Ferreira está internado em estado grave no Hospital Salgado Filho, no Méier. O sargento Jefferson Pinheiro Gandra foi transferido do Hospital Geral de Bonsucesso para o Hospital Central da Polícia Militar, mas já está fora de perigo. Anteontem, pelo menos cinco ataques a PMs foram registrados. Um policial morreu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.