RS espera chuva nesta sexta-feira para por fim à seca

Depois de quase três meses de seca, os serviços de meteorologia prevêem chuva paratodo o Rio Grande do Sul nesta sexta-feira e neste sábado, graças à chegada de uma frente fria da Argentina. As primeiras pancadas já ocorreram durante hoje, em cidades do oeste, como São Borja e Alegrete. A chuva não será suficiente, no entanto, para reverter imediatamente o quadro de calamidade das zonas agrícolas e nem para elevar significativamente o nível dos reservatórios de água e dos rios.Nada menos do que 268 municípios, mais da metade dos 496 que o Estado tem, decretaram situação de emergência desde oinício do fevereiro. Os decretos mais recentes foram assinados pelos prefeitos de Soledade, Não-Me-Toque, Taquari, Pejuçara e Sinimbu. As perdas agrícolas chegam, em algumas regiões, a 80% da soja e 100% do milho da safrinha. O vice-presidente da Federaçãodas Associações Comerciais do Estado e diretor da corretora Brasoja, Antônio Sartori, calcula que os plantadores de sojaperderam receitas de R$ 3 bilhões. E lembra que a cada R$ 1 da colheita correspondem mais R$ 3 de movimento no agronegócio para calcular que R$ 12 bilhões deixem de circular na economia gaúcha neste ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.