RS está em alerta por conta de passagem de ciclone extratropical

Há previsão de rajadas de vento e chuva ao longo desta semana

Solange Spigliatti, estadão.com.br

02 Agosto 2011 | 11h48

SÃO PAULO - O Rio Grande do Sul continua em alerta nesta terça-feira, 2, para possíveis alagamento e deslizamento de terra em consequência da passagem de um ciclone extratropical sobre o Estado e em Santa Catarina, segundo informações da Defesa Civil Estadual, que prevê fortes rajadas de vento e chuva ao longo desta semana.

 

O número de afetados pelas chuvas no período de 20 de julho a 1° de agosto, que já chegou a 127.162 pessoas, sendo 13.891 desalojados e 5.425 desabrigados, diminuiu nos últimos dias, segundo a Defesa Civil, chegando a somente um terço desse último levantamento.

 

Já realizaram a Notificação Preliminar de Desastre (Nopred), o primeiro documento expedido pela prefeitura municipal referente ao desastre, os municípios de Nova Araçá, Putinga, Guaporé, Igrejinha, Gramado, Constantina, Nova Bassano, Taquari, Pontão, Barra Funda, Muçum, Trindade do Sul, Não-Me-Toque, Nova Alvorada, São Vendelino, Fontoura Xavier e Catuípe.

 

Os municípios de Lajeado, Encantado, Arvorezinha, Bom Princípio, Ciríaco, Santa Tereza, Estrela, Sarandi, Cruzeiro do Sul, Venâncio Aires, Montenegro, Arroio do Meio, Charrua, São Sebastião do Caí, Roca Sales, São Jerônimo, Bom Retiro do Sul, Pareci Novo, Três Coroas, Parobé, Rolante, Campo Bom, Taquara, Pinheiriho do Vale, Itapuca, Colina e Terra de Areia, já decretaram situação de emergência.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.