Ruas da zona sul são interditadas para passagem de Bush

As ruas de acesso à ONG Meninos do Morumbi, localizada na Rua José Jamarelli, na zona sul, já foram bloqueadas para a visita do presidente norte-americano George W. Bush. Uma das principais vias é a Avenida Giovanni Gronchi. Como alternativa, os motoristas podem acessar as avenidas João Jorge Saad e Francisco Morato, até a Ponte Eusébio Matoso. Por volta das 15 horas, a pista local da Marginal Pinheiros permaneceu parcialmente interditada, por volta das 15 horas, nas proximidades do Hotel Hilton, na zona sul da cidade. À noite, Bush volta ao Aeroporto Internacional de Cumbica em Guarulhos, para seguir viagem ao Uruguai. Os bairros mais atingidos pelas interdições e bloqueios devem ser Brooklin, Chácara Santo Antônio, Cumbica, Jardim Paulista, Morumbi, Pinheiros e Vila Madalena. Na Bela Vista, região central da cidade, também poderá haver interdições, já que lá fica o Hospital Sírio Libanês, que vai ficar de prontidão para qualquer emergência com Bush.Às 15h30, havia 40 quilômetros de lentidão nas ruas e avenidas da Capital, índice pouco abaixo da média de 48 km para o horário, segundo medição da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). A Marginal Pinheiros concentrava cerca de dois km de trânsito pesado, no sentido Interlagos, entre as pontes Cidade Universitária e Eusébio Matoso. Na Marginal Tietê havia 3,5 km de congestionamento, no sentido Rodovia Castelo Branco, da Rua da Coroa até a Ponte da Casa Verde.

Agencia Estado,

09 de março de 2007 | 15h50

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.