Santa Catarina já recebeu mais de R$ 1,2 milhão em doações

Depósitos podem ser feitos em quatro bancos; dinheiro será usado para compra de mantimentos às vítimas

Mônica Aquino, do estadao.com.br,

27 de novembro de 2008 | 09h44

A Defesa Civil de Santa Catarina recebeu R$ 1,2 milhão em doações até a noite da quarta-feira, 26. As doações foram feitas em depósitos nas contas abertas em quatro bancos. Todo dinheiro arrecado será utilizado para compra de mantimentos para os desalojados, de acordo com a Defesa Civil de Santa Catarina.   Veja também:Empresária pára fábrica e dá gerador a hospitalTragédia em Santa Catarina Blog: envie seu relato sobre as chuvas Veja galeria de fotos dos estragos em SC  Todas as notícias sobre as vítimas das chuvas  Os interessados em contribuir podem depositar qualquer quantia nas contas do órgão no Banco do Brasil, Besc, Bradesco ou da Caixa Econômica Federal, todas em nome do Fundo Estadual da Defesa Civil, CNPJ - 04.426.883/0001-57. A Defesa Civil do Estado, no entanto, emitiu um alerta pois há relatos de golpes pela internet. As contas com os números para doação são publicadas apenas no site da Defesa Civil, que não manda e-mails com dados das contas. Quem quiser fazer doações pode depositar a quantia desejada nas contas do Banco do Brasil (agência 3582-3, na conta corrente 80.000-7). Do Besc (agência 068-0, na conta corrente 80.000-0). Na conta do Bradesco, o depósito deve ser feito na agência 348-4, conta corrente 160.000-1, também em nome do Fundo Estadual da Defesa Civil. Já na Caixa Econômica Federal, o depósito deve ser feito na agência 1277, operação 006, conta 80.000-8.  As pessoas que quiserem também podem fazer doações em postos montados pelas Secretarias Regionais (SDR's) da região do Alto Vale do Itajaí (Blumenau, Brusque, Itajaí, Jaraguá do Sul, Joinville e Timbó). Os locais para doação podem ser consultados pelo telefone (48) 4009-9886 ou nas sedes das secretarias. Pessoas interessas em fazer doações, mas que residem em outros Estados, devem consultar os locais de doação pelo número (48) 4009-9886.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.