Marília Sutil Oliveira/Prefeitura de Urupema
Marília Sutil Oliveira/Prefeitura de Urupema

Santa Catarina tem sensação térmica de -18°C na madrugada

Morro da Igreja, em Urubici, registrou -1°C, mas vento intenso, vindo do sul, fez com que sensação térmica fosse ainda mais baixa

Aline Torres, Especial para O Estado

08 de junho de 2016 | 14h17

FLORIANÓPOLIS - Em Santa Catarina, o frio é extremo. No amanhecer desta quarta-feira, 8, 14 cidades estavam com temperaturas abaixo de zero. Em um dos pontos mais gelados do Brasil, o Morro da Igreja, em Urubici, registrou -1°C, mas o vento intenso, vindo do sul, fez com que a sensação térmica despencasse para -18°C.

Moradores de outras cidades também viram o termômetro despencar. Um Urupema, na Serra catarinense, fez -3,4ºC às 5 horas. Ponte Serrada marcou -2,9°C e em Rio das Antas -2°C.

Muitos municípios estavam cobertos de branco nas primeiras horas do dia e marcavam 0°C. Na Serra, as flores e os gramados dos jardins estavam congelados.  

No mês de junho, Florianópolis teve a menor temperatura dos últimos sete anos. Às 6 horas, os termômetros marcavam 3°C. Apesar do frio, o dia é de sol. 

De acordo com o Centro Meteorológico de Santa Catarina (Epagri/Ciram), na próxima madrugada a temperatura vai declinar ainda mais. A onda de ar polar se estenderá até a próxima segunda-feira, 13. E para o final de semana a previsão é de neve nas zonas altas do Planalto Sul. 

Tudo o que sabemos sobre:
FLORIANÓPOLISSanta Catarina

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.