Santana encontrado no Embu foi levado para o Taboão

O automóvel Santana azul encontrado no possível cativeiro de Celso Daniel, o prefeito de Santo André, assassinado no final da última semana, em uma casa no Embu, já se encontra no pátio da delegacia seccional da Polícia Civil de Taboão da Serra, na região Metropolitana de São Paulo. Ele foi trazido para a delegacia durante a madrugada e se encontra lacrado para perícia.O veículo está bastante empoeirado, não apresenta sinais de batida e se encontra sem as placas. Está destravado, mas ninguém pode mexer nele. A roda dianteira direita está com o pneu furado, e ele não está preso corretamente a roda.Está sendo aguardada uma reunião com peritos, onde vai se falar a respeito do encontro do possível cativeiro no Embu, cidade próxima. Para os policiais da delegacia de Taboão, há grande possibilidade de que a casa do Embu seja o cativeiro, mas ninguém ainda se arrisca a dizer que Celso Daniel tenha estado lá.O banco de trás, teve o estofamento arrancado. O delegado Romeu Tuma Júnior está sendo aguardado na delegacia, após ter ficado durante toda a madrugada acompanhando o trabalho dos peritos na casa do Embu, onde foi encontrado o Santana azul, com um envelope com o nome do restaurante Rubayat, o mesmo de onde Celso Daniel saiu com o amigo Sérgio, antes de serem abordados pelos sequestradores.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.