São Paulo começa a vacinar mulheres contra rubéola

Começa nesta segunda-feira em São Paulo a primeira campanha de vacinação contra rubéola para mulheres entre 15 e 29 anos de idade. A rubéola é uma doença benigna, mas quando atinge gestantes, pode provocar problemas graves para o feto. A Secretaria de Saúde espera vacinar até o dia 16 de novembro 5 milhões de mulheres. Os postos funcionam entre 8 e 17horas, de segunda a sexta. Sábado, todas as unidades também estarão abertas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.