Sargento da PM e mulher são mortos no Rio

O sargento da Polícia Militar, Elson de Almeida e sua mulher, Lúcia, ambos de 50 anos, foram encontrados com os corpos carbonizados dentro do carro do casal, na noite de sábado, no subúrbio de Guadalupe, na zona Oeste do Rio de Janeiro. O corpo do sargento estava no porta-mala e o de Lúcia, no banco traseiro. Até o fim da tarde deste domingo os assassinos não tinham sido localizados pela polícia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.