Sarney deixa o hospital em SP

O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), deixou ontem o Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, onde esteve internado desde o dia 5 de outubro em decorrência de arritmia cardíaca e esofagite

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.