SC debate sobre prêmio de Mega Sena de 2007

A Justiça catarinense voltará a discutir amanhã com quem ficarão os R$ 27 milhões do concurso 898 da Mega Sena (setembro de 2007). O prêmio é reivindicado pelo marceneiro Flávio Júnior Biassi e por seu ex-patrão, Altamir José da Igreja. Em junho do ano passado, o juiz Edemar Gruber determinou que o valor fosse dividido, mas ambos recusaram. Com o bilhete, Igreja resgatou o valor do prêmio. Pouco depois, Biassi reclamou e disse ter fornecido os números e o dinheiro para a aposta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.