Segurança é preso ao ameaçar fotógrafo com arma

O segurança Claudemir Almeida dos Santos, de 35 anos, foi preso na tarde desta sexta-feira, 24, em São Sebastião, litoral norte paulista, na praia de Maresias, depois de ameaçar um fotógrafo com uma pistola calibre 380, carregada com 16 munições. Santos fazia a segurança de um restaurante onde estava sendo gravado o segundo comercial da campanha da Kaiser, com a apresentadora Adriane Galisteu e o garoto propaganda da empresa, José Valien. Outras 50 pessoas participavam da gravação.O fotógrafo Reginaldo Pupo ficou na praia, à distância, e faria uma foto da gravação. O segurança se aproximou, sacou a arma e fez ameaças. "Ele me disse que a produção teria alugado a praia e que se eu fizesse a foto não ia pensar duas vezes para atirar na minha cabeça. Disse com a arma em punho, na frente de outras pessoas". Diante da ameaça o fotógrafo deixou o local.As polícias civil e militar foram até a gravação e pediram que o segurança seguisse à delegacia. Santos se apresentou como agente penitenciário, mas segundo levantamento da própria polícia, ele foi exonerado da Secretaria de Administração Penitenciária do Estado há dois anos. Por este motivo, além de porte ilegal de arma e ameaça, Santos também foi preso por exercício ilegal da profissão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.