Seguranças de filho de Lula são baleados

Ladrões balearam na noite desta quarta-feira dois integrantes da escolta de um dos filhos do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, na alameda Calcutá, na Vila Metalúrgica, em Santo André, na Grande São Paulo. Em seguida, roubaram o Astra usado pelo agentes. As vítimas foram socorridas pela Polícia Militar a um hospital da cidade. Ainda não há notícia sobre o estado de saúde dos seguranças. O filho do presidente estava visitando a namorada enquanto os dois homens da escolta o aguardavam na frente do prédio. O caso é semelhante ao que envolveu o filho do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, cuja escolta foi atacada por ladrões de carro no Ibirapuera, na capital paulista, no ano passado.

Agencia Estado,

18 Junho 2003 | 21h02

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.