Seis agentes penitenciários são indiciados por fuga em Bangu

Eles tiveram a prisão preventiva pedida à Justiça; inquérito vai apurar envolvimento do diretor do presídio

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

13 de novembro de 2008 | 12h58

Seis agentes penitenciários foram indiciados pela participação na fuga do ex-policial militar Ricardo Teixeira da Cruz, o Batman, ocorrida no último dia 28 no presídio de segurança máxima Bangu 8, no Rio.   Veja também: Divulgado retrato de suspeitos de participar da fuga do Batman Câmeras de Bangu 8 estavam desligadas, diz secretário Seis acusados de integrar 'Liga da Justiça' são transferidos Diretor de Bangu 8 é exonerado depois da fuga miliciano   Batman é acusado de integrar a milícia Liga da Justiça, que atua na zona oeste da cidade. Segundo a Polícia Civil, Ronaldo da Silva Freitas, Dagmauro Nascimento das Mercês, Ezequiel Galliza Simões, Rogério Bogado La Rubia, Romel Correa Ribeiro e Carlos Eduardo Pedrosa Vital, tiveram a prisão preventiva pedida à Justiça, pelo titular da 34ª DP, de Bangu, delegado Gilberto Dias.   O delegado também instaurou inquérito para apurar o envolvimento de outros dois executores da ação, do diretor de Bangu 8, Luiz Henrique Ferreira Burgos, além de outros agentes no caso.

Mais conteúdo sobre:
FugaBangu 8indiciamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.