Seis são detidos em tumulto durante 'Choque de Ordem' no Rio

Barraqueiros foram presos após insultar fiscais da operação e bloquearem avenida na zona oeste da cidade

Pedro Dantas, O Estado de S.Paulo

19 de janeiro de 2009 | 19h42

Seis homens foram presos durante um tumulto na manhã desta segunda-feira, 19, entre barraqueiros e fiscais da prefeitura do Rio na praia da Barra da Tijuca, na zona oeste. A confusão ocorreu durante a operação "Choque de Ordem" quando os fiscais apreenderam uma Kombi que servia como depósito na altura do Posto 8 da orla. Veja também: Todas as notícias sobre a 'Choque de Ordem'Especial - As promessas de campanha de Eduardo Paes  Os barraqueiros insultaram os fiscais, retiraram as cadeiras e bloquearam a pista sentido zona sul da Avenida Lúcio Costa por dez minutos. Todos foram presos por desacato à autoridade. Além deles, dois guardadores que não entregavam os talões aos motoristas e um flanelinha foram levados para averiguação à 16ª Delegacia de Polícia. A operação, que começou por volta das 9 horas, apreendeu 12 veículos, entre eles oito Kombis usadas como depósito abarrotadas com guarda-sóis e cadeiras de praia. Quatro policiais civis apoiaram a operação, que contou com oito fiscais da Secretaria de Controle Urbano e 30 guardas municipais. No domingo, a operação aconteceu zona sul, zona oeste, zona norte e no subúrbio. Os fiscais aplicaram 367 multas. De acordo com a Guarda Municipal, 58 veículos foram rebocados durante a ação, sendo 16 deles usados por ambulantes como depósito de mercadorias.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.