Sem-terra é baleada durante ocupação do MSL em Goiás

A integrante Veridiana Vieira Barbosa foi levada para o hospital de São João da Aliança e não corre risco de morte

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

21 Maio 2016 | 11h07

SOROCABA – Uma integrante do Movimento Social de Lutas (MSL) foi baleada pela segurança da propriedade durante a ocupação de uma fazenda, em Água Limpa, interior de Goiás, na madrugada deste sábado (21).

De acordo com o coordenador nacional do movimento, Hugo Zaidan, a fazenda pertence a Edivan Bataglin, preso por suspeita de ser 'laranja' de Abib Miguel, o 'Bibinho', ex-diretor da Assembleia Legislativa do Paraná e investigado pelo Ministério Público por um esquema de desvio de dinheiro público. Ele foi condenado, mas seus advogados entraram com recursos.

Segundo o líder, durante a ocupação houve reação de pistoleiros contratados para vigiar a fazenda. Veridiana Vieira Barbosa foi atingida por um disparo. A sem-terra foi levada para o hospital de São João da Aliança e não corria risco de morte. A Polícia Militar goiana enviou um contingente para a área, mas o atirador ainda não tinha sido identificado.

Conforme Zaidan, os integrantes do MSL mantiveram a ocupação da fazenda e o clima é tenso na região. Além de reivindicar a propriedade para a reforma agrária, o movimento se opõe ao afastamento de Dilma Rousseff (PT) da presidência da República.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.