Sem-teto prometem protesto em frente à Prefeitura

Integrantes da União das Lutas de Cortiços (ULC) e o Movimento de Moradias do Centro (MMC) prometem realizar, às 10 horas desta quarta-feira, um protesto em frente à Prefeitura de São Paulo, no Viaduto do Chá, centro da capital paulista. No caminho eles passarão pela Praça da Sé, onde devem se reunir momentos antes e organizar o protesto.Parte do grupo que realizará o ato no centro da capital está reunido desde o final da noite de terça-feira em um terreno localizado na altura do nº 477 da Rua Alvaro Ramos, região do Belenzinho, zona leste. Segundo a coordenação da ULC, o terreno invadido na terça-feira teria sido comprado na gestão Marta Suplicy, cujo governo prometeu construir no local casas populares, mas o projeto não teria se concretizado.A intenção dos movimentos prol moradia, segundo seus dirigentes, é fazer com que a administração Gilberto Kassab, atual prefeito de São Paulo, "retome os projetos habitacionais abandonados e amplie os existentes".

Agencia Estado,

28 de junho de 2006 | 04h43

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.