Seqüestradores de filho de empresário são presos no MA

A Polícia Federal, com apoio da Polícia Rodoviária Federal, prendeu, na tarde de quarta-feira, 11, duas pessoas que participaram do seqüestro do estudante Alberto Monteiro Neto, filho de um empresário piauiense. Os dois, identificados pelas iniciais J.R.A.O. e M.A.A, foram presos em uma barreira policial, no município de Araguanã, no Maranhão. O estudante foi seqüestrado quando retornava do município de Luis Correia, no Piauí, no último domingo, 8. Com os seqüestradores foi encontrado o dinheiro do resgate pago pela família da vítima. Os presos foram transferidos para a Superintendência da Polícia Federal no Piauí. Outros quatro seqüestradores, integrantes da mesma quadrilha, também foram presos pela Polícia Federal, no município de São Benedito, no Ceará.

Agencia Estado,

12 Abril 2007 | 11h54

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.