Seqüestram dentista, mas batem o carro em frente à PM

A ousadia de dois menores infratores acabou por causa da imperícia de um deles em dirigir um Vectra equipado com câmbio automático, veículo da vítima de um seqüestro relâmpago praticado pelos dois.Eram 13 horas quando os dois abordaram adentista C. na região central de São Miguel Paulista, na zona leste, perto do 29º Batalhãoda Polícia Militar, e entraram no veículo junto com ela.Um dos menores dirigia o carro quando policiais numa viatura desconfiaram dos três ocupantes nos bancos da frente e seguiram o Vectra. Os acusados, então, iniciaram a fuga pela Rua Dr. José Artur da Nova, onde se localiza a sede do batalhão da PM.O motorista perdeu o controle do carro e bateu contra um poste na frente do portão do batalhão.Segundo o major Perine, comandante interino do batalhão, provavelmente o menor não estava acostumado com o câmbio automático e perdeu o controle do veículo.O menor ficou preso dentro do carro no momento da colisão, mas o outro tentou fugir e acabou detido pela polícia. Ambos sofreram apenas escoriações. Amesma sorte não teve a vítima, que sofreu um ferimento grave e está internada noHospital Tide Setúbal, o mesmo para onde foram levados os menores que, depois deliberados, foram encaminhados para o 22º DP.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.