Seqüestro relâmpago termina em acidente e prisão

O auto Corsa branco em que se encontrava um casal de namorados, ambos estudantes - ele, de 22 anos, e ela, de 19 -, foi abordado por Osmar Dias de Andrade Filho, de 30, no início da madrugada desta segunda-feira, na Av. Prof Francisco Morato, na divisa entre os municípios de São Paulo e Taboão da Serra. Armado, o ladrão os obrigou a parar próximo a um caixa eletrônico. O rapaz foi obrigado a descer, para apanhar dinheiro, e a jovem foi mantida no veículo que ficou circulando no quarteirão.A polícia foi informada e houve perseguição. O assaltante, em fuga, bateu o Corsa contra um auto Siena e num poste. Levado ao 34º DP - Vila Sônia, o ladrão autuado em flagrante. A estudante, que estava com cinto de segurança, saiu incólume, mas Osmar, que dirigia o auto, estava sem o cinto. Por isso, ao bater no Siena e, em seguida no poste, foi lançado contra o pára-brisa e feriu a cabeça. O Siena foi jogado contra uma picape Saveiro, que passava pelo local. O ladrão estava sem documentos e, depois de medicado, foi levado à própria residência para apanhá-los. Na casa, os policiais encontraram várias mercadorias, entre elas, pacotes de cigarros, que acreditam ser produto de roubo. Havia também maconha, cocaína, cartões bancários e documentos com nomes variados.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.