AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Sérgio Naya alega problema de saúde e falta a depoimento

O empresário Sérgio Naya, dono da construtora que ergueu o edifício Palace 2, que ruiu em fevereiro de 1998, matando oito pessoas, não compareceu hoje à 2.ª Vara Criminal da Justiça Federal. Ele deveria ser interrogado no processo que apura o crime de sonegação fiscal e evasão de divisas. Minutos antes da audiência, ao qual era obrigado a comparecer, os advogados de Naya anexaram uma petição, informando que o empresário tem "sério problema de saúde", que o impediu de viajar. Os ex-moradores do Palace 2 pretendiam aproveitar a passagem de Naya pelo Rio para citá-lo na ação de penhora de bens. O empresário até agora não depositou os R$ 30 milhões referentes à indenização dos moradores. O prazo do pagamento da dívida venceu há um mês

Agencia Estado,

16 de maio de 2002 | 18h22

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.