Serra minimiza entrevista: ''Não disse nada de novo''

Um dia depois de ter falado abertamente sobre sua candidatura à Presidência da República, o governador José Serra (PSDB) voltou a adotar um tom cauteloso sobre o tema. Ontem, em Bauru, diante da insistência dos repórteres, deixou claro que não falaria sobre eleição enquanto fosse governador. "Vim aqui numa ação do governo do Estado, portanto, não vou falar de eleição presidencial, nem estadual, nada. Isso é para o futuro."

José Maria Tomazela, BAURU, O Estadao de S.Paulo

21 de março de 2010 | 00h00

Questionado sobre as declarações dadas em entrevista à TV Bandeirantes, quando confirmou que deixaria o governo estadual no início de abril, ele não negou o que disse, mas fez uma ressalva: "Não foi durante um ato de governo e eu não disse nada novo." Serra preferiu abordar as questões regionais, destacando investimentos realizados na cidade. Diante de 21 prefeitos, enumerou obras e recursos liberados para a região.

O tucano inaugurou o prédio da Faculdade de Tecnologia (Fatec) e as obras de duplicação da rodovia que liga Bauru a Marília - que estavam paradas e nas quais seu governo investiu R$ 360 milhões.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.