Sete morrem em chacinas no Rio e na Baixada Fluminense

Casos ocorreram na Vila da Penha, na zona norte, e em Queimados, na Baixada; houve troca de tiros com policiais

Constança Rezende; Sergio Torres, O Estado de S. Paulo

09 Abril 2016 | 12h33

SÃO PAULO - Sete pessoas foram assassinadas na Região Metropolitana do Rio em duas chacinas ocorridas na noite desta sexta-feira (8) e na madrugada deste sábado, 9. A primeira matança foi na Vila da Penha, zona norte carioca. A segunda, no município de Queimados, na Baixada Fluminense.

Em Queimados, durante a madrugada, quatro homens foram mortos a tiros por desconhecidos. As vítimas estavam no Lote 53 da Rua Maria Ferreira dos Reis. As vítimas eram Kleber Lopes da Silva, de 19 anos, Igor Santos da Silva, também de 19, um rapaz aparentando ter menos de 18 anos de idade e um desconhecido. O delegado Giniton Lages, da Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF), informou que policiais realizam diligências para apurar a chacina. Segundo ele, nenhuma linha de investigação está descartada.

No Largo do Bicão, Vila da Penha, três suspeitos foram mortos na noite de sexta-feira por policiais militares. Os homens estavam em um carro roubado quando foram abordados pelos policiais, segundo a versão oficial. Os suspeitos teriam reagido houve troca de tiros. Os três homens foram baleados. O motorista perdeu o controle do carro, que bateu em uma árvore e caiu com a capota para baixo dentro de um canal de esgoto. 

A Polícia Militar informou ter apreendido duas pistolas e uma granada com as vítimas. A Divisão de Homicídios vai investigar as circunstâncias do tiroteio e das mortes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.