Sindicalista ligado ao transporte público é assassinado em SP

O sindicalista Paulo Gonçalves, de 45 anos, ligado ao setor de transporte público de São Paulo, foi assassinado a tiros nesta tarde. O crime ocorreu às 14h45, na rua Barão de Jaguara, no Cambuci, zona sul da capital.Segundo as primeiras informações da Polícia Militar, Gonçalves saía de um carro quando dois homens numa moto pararam e o garupa disparou mais de dez tiros à queima-roupa. Ele chegou a ser levado para o pronto-socorro do Hospital Vergueiro, onde morreu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.