Sindicato de funcionários da Febem nega acusações

O presidente do Sindicato dos Funcionários da Febem, Gilberto da Silva, criticou a postura dos conselheiros tutelares, que, por celular, passaram informações à imprensa durante o motim. ?Isso é sensacionalismo. É mentira dizer que os agentes provocaram a rebelião?, afirmou.Segundo ele, as grades das celas estão em más condições de conservação e não oferecem segurança. ?É só dar um pontapé que elas se abrem, pois os ferrolhos estão estourados, não têm fechadura?, salientou. ?A perícia vai mostrar que os portões não foram abertos e sim arrombados pelos internos.?Ele aprovou, porém, o afastamento dos funcionários que estavam de plantão no domingo. ?É uma medida acertada do presidente, porque está preservando a integridade moral e física dos servidores?, afirmou. ?Só fico preocupado pensando se não vai faltar agentes no plantão.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.