Sindicato tenta evitar fechamento de fábrica da Sadia em SP

O presidente da Força Sindical, Paulo Pereira da Silva, está liderando uma assembléia em frente uma fábrica da Sadia em São Paulo, na tentativa de impedir o fechamento da unidade e a demissão de 3 mil funcionários. ?Tudo será feito para evitar o fechamento e a dispensa de trabalhadores. Vamos negociar", afirmou Paulinho. A Sadia é controlada pela família do ministro do Desenvolvimento, Luiz Fernando Furlan. A movimentação em frente a Sadia começou às 6h da manhã. A empresa já avisou que irá se mudar ainda este ano para Ponta Grossa, no Paraná.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.