Site divulga vídeo do suposto dossiê contra Serra

O DVD que prometia associar o candidato do PSDB ao governo do Estado de São Paulo, José Serra, ao esquema dos sanguessugas e que seria vendido ao petista Valdebran Padilha Silva por Luiz Antonio Vedoin, chefe da máfia dos sanguessugas, foi colocado na íntegra no site Olhar Direto.O vídeo seria parte de um pacote que o tio de Vedoin, Paulo Dalcol Trevisan, entregaria ao advogado Gedimar Pereira Passos e a Padilha, em São Paulo. Segundo a apuração da Polícia Federal, Vedoin receberia R$ 1,8 milhão pelas "provas".A gravação é a apresentação de 41 ambulâncias e ônibus transformados em unidades básicas de saúde doadas a municípios do Mato Grosso. Além de Serra, vários políticos na época ligados ao PSDB aparecem no vídeo. Em um trecho, um representante do município agradece Serra, então ministro da saúde, e o deputado Pedro Henry, um dos acusados de pertencer à máfia dos sanguessugas, pelo empenho das verbas para a compra dos veículos. Vedoin é o dono da Planam, principal empresa envolvida no escândalo da máfia dos sanguessugas, em que parlamentares apresentavam emendas para compra de ambulâncias superfaturadas com verba da União.

Agencia Estado,

17 de setembro de 2006 | 10h31

Tudo o que sabemos sobre:
eleiçõeseleições 2006

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.