Sítio do goleiro Bruno é furtado em Minas Gerais

Jovem foi detido com caixas de som; caseiro disse que teve de deixar imóvel por assédio da imprensa

Eduardo Kattah, de O Estado de S. Paulo

30 de junho de 2010 | 18h18

BELO HORIZONTE - O caseiro do sítio do goleiro do Flamengo Bruno Fernandes registrou hoje ocorrência na Polícia Militar informando sobre um furto de objetos na propriedade localizada no condomínio Turmalina, em Esmeraldas, na região metropolitana de Belo Horizonte.

 

Veja também:

linkBruno volta a treinar no Flamengo, mas evita imprensa

linkSítio e carro de jogador têm sinais de sangue

 

A polícia investiga suposto envolvimento de Bruno no desaparecimento de Eliza Samudio, ex-amante do jogador com o qual teria um filho de 4 meses. Segundo o caseiro, Elenilson Vitor da Silva, 26 anos, na noite de terça-feira foram furtados da residência do sítio um aparelho de som e objetos pessoais, como roupas, perfume e relógio além de mantimentos.

 

A PM registrou um Boletim de Ocorrência e deteve um jovem de 18 anos, Jaime Junior Ribeiro, com quatro caixas de som que fariam parte do material furtado. O caseiro disse que foi obrigado a deixar o imóvel por causa do assédio da imprensa. "Eu saí de lá, e o que aconteceu? furtaram o sítio", reclamou.

 

O inquérito que apura o desaparecimento de Eliza foi instaurado na última quinta-feira após denúncia de que a jovem teria sido espancada e morta por Bruno e dois amigos no interior do sítio. Elenilson já prestou depoimento à delegada Alessandra Wilke e negou que tivesse visto Eliza no sítio.

Tudo o que sabemos sobre:
Bruno FernandesRio

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.