Situação nos aeroportos melhora na manhã desta sexta-feira

Os aeroportos do País registravam poucos atrasos na manhã desta sexta-feira, em comparação aos últimos três dias, quando as grandes filas tomaram conta de saguões e salas de embarque. Segundo informações da Infraero, 28 pousos e decolagens tinham atrasos até às 8h30.No Aeroporto de Congonhas, na região sul da capital paulista, os painéis da Infraero não mostram problemas nas partidas. Porém, sete vôos que chegariam à cidade têm atrasos de até uma hora - período que não é contabilizado pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). O maior atraso é de um vôo da Gol vindo de João Pessoa, que deveria aterrissar às 6h32, mas só foi confirmado para às 9 horas, segundo informações da GloboNews.Até às 6 horas, o Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, registrou atrasos em 12 vôos, todos domésticos, sendo 7 pousos e 5 decolagens. Apesar do grande número de atrasos, o clima entre passageiros e funcionários do aeroporto foi de relativa tranqüilidade.No Rio de Janeiro, o Aeroporto Tom Jobim, registrava atrasos em praticamente todos os vôos. A maior espera era de um vôo vindo de João Pessoa, que atrasou 2h20. Nove vôos de partida tinham atraso médio de meia hora, tempo considerado normal, porém duas decolagens internacionais tinham atraso de até sete horas.Segundo informações da Infraero, doze pousos domésticos e um internacional, além de quatro decolagens, estavam fora do horário programado no Tom Jobim. No Aeroporto Santos - Dumont, também no Rio, os horários dos vôos eram cumpridos normalmente. No Aeroporto Juscelino Kubitschek, em Brasília, duas decolagens de vôos da companhia TAM estavam atrasadas. Uma para o Rio de Janeiro e outra para Florianópolis. O Aeroporto de Confins, em Minas Gerais, estava fechado na manhã desta sexta-feira por conta do mau tempo. Na quinta-feira, cerca de um terço dos vôos do País registraram atrasos superiores a uma hora.Esta matéria foi alterada às 9h para acréscimo de informações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.