Só 1 em cada 10 motos passa por inspeção veicular

Ao final do terceiro mês da inspeção ambiental, que encerra o cronograma para os veículos com placas de final 1, só uma em cada dez motos z o teste obrigatório no prazo fixado pela Prefeitura. A Secretaria de Verde e Meio Ambiente, que fiscaliza o programa de inspeção, admite que a participação dos veículos de duas rodas é "baixa" e afirma que irá "propor ações junto a sindicatos e associações para estimular maior adesão".Segundo estimativa divulgada ontem pela Controlar, concessionária que realiza as inspeções na capital, de 10% a 12% das motocicletas e 70% dos carros com placas de final 1 realizarão o teste ambiental até quinta-feira, data-limite para a inspeção e também para o licenciamento desse grupo de veículos. Para o presidente do sindicato dos motoboys, Gilberto Almeida dos Santos, a baixa adesão das motos é explicada, em parte, pelas dúvidas em torno do programa. "A gente orienta para fazer, já que os trabalhadores não podem ficar sem licenciar a moto. Mas muita gente tem medo de não passar."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.