Sobe para 26 número de pontos de alagamento na Capital

A forte chuva forte que cai desde o início da madrugada desta quarta-feira em São Paulo invadiu casas, alagou ruas e provocou o transbordamento do Córrego Pirajuçara na zona sul da Capital paulista. O córrego atingiu seu nível máximo. A água já invadiu e alagou a Rua Alves dos Santos, junto à Estrada do Campo Limpo, devido ao refluxo provocado nas bocas de lobo. Moradores estão em alerta para possíveis invasões de residências.Durante a madrugada a chuva atingiu principalmente as zonas sul e oeste, em especial os bairros de Interlagos, Socorro e região da Marginal de Pinheiros, além dos municípios de Carapicuíba e Osasco.Foram registrados até o momento 26 pontos de alagamento em toda a cidade, sendo que 13 deles permaneciam intransitáveis até às 06h15. Quatro estão na Marginal do Pinheiros, sendo três no sentido Interlagos-Castelo Branco, 100 metros antes da Ponte do Jaguaré, junto à Rua Cristalino Rolim de Freitas e 300 metros antes da Ponte Ary Torres, pista expressa.No sentido Castelo Branco-Interlagos da Marginal Pinheiros há alagamento 300 metros antes da Ponte do Morumbi, pista local. No Capão Redondo, um muro com 12 metros de comprimento desabou na Rua São Luiz de Oliveira, Parque Independência, mas ninguém se feriu.Em Carapicuíba, na Grande São Paulo, várias casas localizadas na Rua Maria Dilza Santos Lima, no Jardim Beatriz, foram tomadas pela água.O mesmo ocorreu no Jardim Rochdale, em Osasco, cidade vizinha a Carapicuíba. Os bombeiros foram acionados para socorrer três pessoas ilhadas dentro de um táxi, na Rua Ivan Beckman, no Jardim Campo Limpo, zona Sul.Também foram atendidas pessoas em residências alagadas na Avenida Vitor Manzini, em Santo Amaro, Rua Joaquim Nunes Teixeira, em Vila Plana, e na Avenida Carlos Caldeira Filho, no jardim Umarizal.Continua chovendo, mas com menos intensidade, na zona sul, atingindo bairros de Santo Amaro, Vila Mariana, Jabaquara, M´Boi Mirim e Cidade Ademar, e em toda a zona leste.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.