Sobe para quatro número de mortos em operações no Rio

Um 5º homem foi baleado e está internado; outro suspeito foi detido na ação, que não tem previsão de término

Fabiana Marchezi e Solange Spigliatti, Central de Notícias

02 de setembro de 2009 | 15h43

Já são quatro as pessoas mortas nesta quarta-feira, 2, durante operação policial em favelas do Rio. Segundo a Polícia Militar, três supostos traficantes de droga foram baleados durante tiroteio nos morros da Serrinha e do Juramento, na zona norte carioca. Mais cedo, durante a mesma operação de combate ao tráfico de drogas e armas, outro homem já havia morrido.

 

Veja também:

linkBope faz operação no Pavão-Pavãozinho e há tiroteio

 

De acordo com a PM, os quatro homens chegaram a ser levados para o Hospital Estadual Carlos Chagas, em Marechal Hermes, mas não resistiram aos ferimentos e morreram. Um outro suspeito foi baleado e está internado no mesmo hospital. Um outro suspeito foi detido.

 

Os policiais do Batalhão de Operação Especiais (Bope) e do 9º Batalhão da PM apreenderam uma metralhadora 9mm, três fuzis, uma espingarda calibre 12 e duas pistolas 9 mm, além de drogas. Todo o material apreendido foi levado para a 29ª Delegacia Policial. A operação continua e não tem previsão de término.

 

O Morro do Juramento está com ocupação policial desde sexta-feira, quando traficantes do Comando Vermelho invadiram o morro para retomar as bocas-de-fumo, que desde maio estavam sob o comando da facção Amigo dos Amigos. No sábado, cinco policiais foram baleados em tiroteio com traficantes. Desde então, o policiamento está reforçado e PMs fazem operações em busca de drogas e armas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.