Reprodução Google Street View
Reprodução Google Street View

Soldado da PM morre em tiroteio na Avenida Brasil

Criminosos dispararam tiros de fuzil AK-47 calibre 7,62 e uma pistola CZ calibre 9mm contra os policiais

Constança Rezende, O Estado de S.Paulo

10 Julho 2018 | 10h38

 Um soldado da Polícia Militar foi morto, na madrugada desta terça-feira, 10, em um tiroteio na Avenida Brasil, na altura do complexo de favelas da Maré, Rio. O crime aconteceu quando o soldado Rodrigo Passos Soares realizava, com equipe, uma abordagem a dois suspeitos em uma motocicleta BMW. Segundo a PM, quando os policiais verificaram que a moto era roubada, outro criminoso que dava cobertura aos comparsas em um Fiat Idea surpreendeu os policiais militares. Os criminosos dispararam tiros de fuzil AK-47 calibre 7,62 e uma pistola CZ calibre 9mm contra os policiais e o soldado Soares e um sargento foram feridos.

Ambos foram socorridos ao Hospital Geral de Bonsucesso e o soldado Soares, ferido no peito, não resistiu aos ferimentos. Ainda de acordo com a PM, um dos criminosos morreu no confronto. As armas foram apreendidas e a moto roubada foi recuperada. A ocorrência está a cargo da Delegacia de Homicídios (DH-Capital).

+++ MP reabre investigações de chacinas ocorridas nos anos 90 em favela do Rio

O soldado Soares tinha 29 anos e estava na corporação havia quatro anos. Ele era lotado no Batalhão de Policiamento em Vias Expressas (BPVE) e deixa mulher.

+++ Motoristas furam blitz da Lei Seca e provocam acidentes no Rio

A Polícia Civil informou que equipes da DH realizam diligências em busca de testemunhas e imagens que possam ajudar nas investigações. Já foi realizada uma perícia no local.

+++ PM é ferido durante operação em comunidade na zona norte do Rio

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.